Caro, colega de profissão.

 

Me deixa te explicar o porquê a CONSULTA AMBIENTAL NO CASO CONCRETO é pra você!

 

Nem preciso dizer que Meio Ambiente e Licenciamento Ambiental são uns dos temas mais complexos da atualidade.

 

Trabalhar na área ambiental é um desafio, e só os corajosos sobrevivem.

 

Costumo dizer que para o profissional que atua na área ambiental, o conhecimento  sobre as matérias ambientais pode ser dividido em três: (1) aquilo que você sabe, (2) aquilo que você não sabe, e (3) aquilo que no meio do caminho você vai precisar saber.

 

Isso porque, é inevitável que no meio do processo surjam entraves ambientais complexos que exijam do profissional um aprofundamento, uma pesquisa e (porque não?) uma CONSULTA com outro profissional...

 

É essa a proposta da CONSULTA AMBIENTAL NO CASO CONCRETO: transformar uma jornada, em tese, solitária, em uma jornada cooperativa e eficiente.

 

Na CONSULTA, eu vou te mostrar como você pode solucionar os problemas ambientais que chegam até você, e encurtar o espaço e o tempo até a sua resolução. Construiremos juntos uma nova perspectiva sobre o problema, aniquilando as dúvidas, transformando-as em conhecimento adquirido e em uma experiência profissional proveitosa.

MAS ME CONSULTAR PARA QUE?

 

Algumas pesquisas indicam a existência de mais de 50 mil normas relativas à área ambiental, e todas elas esparsas e em constante mutação.  Conseguimos perceber o quão gigante é esse número quando nos damos conta que o dicionário Aurélio define 143 387 palavras na língua portuguesa (Brasil).

 

Pois é, nosso país possui uma verdadeira infinidade de normas ambientais concentradas diretamente ao Licenciamento ambiental, e se engana quem pensa que só Advogados lidam com leis... na área ambiental, Engenheiros, Biólogos, Geógrafos, Topógrafos... todos eles lidam com leis.

 

Não bastasse isso, por ser uma ciência multidisciplinar, nem sempre existe um consenso, e não raras vezes divergências técnicas surgem e travam todo o processo, acarretando em perde de tempo e produtividade (quiçá, dinheiro).

 

Nessa hora – quando o entrave ambiental aparece – é muito válido um auxílio colaborativo externo, que traga segurança na tomada de decisões, na condução e resolução daquele conflito de entendimento técnico.

 

Quantas vezes você já se viu em situações complexas que tudo que você precisava era de uma segunda ou até mesmo de uma terceira opinião para clarear as ideias? 

 

Quantas vezes você empacou em uma questão ambiental complexa, que poderia inclusive colocar em risco a atividade do empreendimento do seu cliente? 

 

Quantas vezes você dedicou horas e horas estudando para encontrar determinada solução ou um caminho que envolvesse a lei e técnica juntos? 

 

Quantas oportunidades de trabalho você pode estar deixando de aproveitar, por faltar certeza se em determinado local pode haver a intervenção desejada pelo cliente?

 

 

>> Quer ter certeza se a atividade precisa de Licenciamento Ambiental? Está na dúvida sobre a legislação ambiental aplicável? Quer opinião sobre a elaboração do estudo ambiental e o seu propósito? Quer uma nova perspectiva sobre o processo? <<

 

>> Não tem certeza se as decisões técnicas estão conduzindo o procedimento para o caminho adequado? Quer entender a real fase do seu procedimento? Quer uma segunda opinião técnica e qualificada para validar a conduta a ser tomada? Quer uma fonte diferente sobre o teu caso concreto, mas quer que a fonte seja alguém que realmente vai saber o que está falando, e não vai te fazer perder ainda mais tempo? Quer uma orientação qualificada sobre um problema ambiental já instaurado? Ou quer uma orientação qualificada de forma preventiva? <<

 

 

É essa a proposta da CONSULTA AMBIENTAL NO CASO CONCRETO: destravar e construir novas perspectivas sobre as questões ambientais.

MAS ME CONSULTAR PORQUE? JÁ SOU PROFISSIONAL!

 

Eu entendo que a internet hoje esteja lotada de dicas e informações. E todo profissional que se preza a utiliza. É fato!

 

Faça qualquer pergunta ao oráculo da rede, conhecido com Google, e ele vai te responder. É fantástico como as respostas estão ali, não é mesmo? Temos uma Biblioteca de Alexandria em nossas mãos.

 

Nós vivemos em uma Era onde temos o acesso ao conhecimento a qualquer momento. Isso é verdade, e isso é ótimo! Afinal, a qualquer hora do dia eu posso consultar o Google e sair com uma resposta. Mas essa facilidade, incrivelmente, nos cega!

 

Você consegue ter muita informação “na rede”, mas elas servem para o seu caso concreto? Quantas buscas na internet, quantas abas abertas, quantas horas do seu dia serão gastas para ENTENDER o entrave ambiental que você tem sob sua responsabilidade? E depois que você entende, quanto tempo mais até encontrar o caminho que de fato RESOLVA? (SE resolver!)

 

O uso ansioso das informações que estão “na rede” tem suas implicações negativas.

 

Vamos de analogia:

 

Quantas vezes você já pagou uma academia e não foi? Ela estava lá, disponível para você, mas se você não vai até ela e se não souber o que tem que fazer lá dentro para atingir o seu objetivo com ela, lamento dizer: a academia não servirá para nada (exceto para te fazer perder tempo e te deixar mais pobre com o pagamento das mensalidades).

 

 

A mesma coisa acontece com a Internet.

 

Você entra no Google e digita “qual o prazo de renovação da licença ambiental?”. Ele vai te responder: “A renovação de licenças ambientais deve ser requerida com antecedência mínima de 120 (cento e vinte) dias”. (pode checar!!)

 

Isso vai te ajudar? Vai resolver o problema? Para alguns, talvez sim.

Mas se você tiver uma dúvida mais complexa, um CASO CONCRETO para ser resolvido quase que imediatamente, e precisa de respostas mais sólidas, mais certeiras e mais ágeis...? Como administrar as informações que receber da Internet? Quanto tempo você está disposto a gastar se dedicando a essa busca quase infinita?

 

E se tivesse uma maneira de você CONSULTAR e receber uma segunda opinião qualificada, e encurtar o espaço e o tempo até a resolução daquela dúvida ambiental?

 

 

Vamos de outra analogia, agora do campo médico:

 

Quem nunca buscou informações na Internet logo após pegar o resultado de um exame?

 

Essa consulta é sempre bem proveitosa, ne? Você recebe o resultado do exame, pesquisa na Internet o que significa, já entende o seu problema, e corre para a Farmácia para adquirir os medicamentos que a Internet indicou. Pronto, você está curado!

 

NÃO, não á assim que acontece. (felizmente!)

 

Na verdade, na Internet você vai encontrar as mais variadas respostas de doenças para um mesmo resultado de exame, algumas indicarão morte iminente, enquanto outras indicarão tratamento com chá de grama, e a partir daí você decide se fica paranoico ou se marca uma consulta com o Especialista.

 

É essa a proposta da CONSULTA AMBIENTAL NO CASO CONCRETO: propor novas perspectivas ao caso concreto travado, com qualificação.

 

É aqui que eu quero chegar:

 

Percorri todo esse roteiro fantasioso para te lembrar que a área ambiental é complexa, e muitas vezes contar com uma segunda opinião experiente e especializada, pode te ajudar a resolver o problema e encurtar a jornada até a sua tomada de decisão e, de fato, até a resolução do problema.

 

Consultando uma segunda opinião qualificada você reduz horas de rascunhos de estudos relativos a um único caso concreto (e que faz perder a produtividade nos outros).

 

Eu sei que é assim: quando temos uma demanda complexa sob nossa responsabilidade, queremos resolver, nos dedicamos a resolver, mas nem sempre usamos o tempo disponível com inteligência, pois nem sempre focamos na agilidade do resultado, e quase nunca os consultamos com quem poderia, de fato, ajudar na resolução do problema.

 

Nem preciso dizer que tempo é o nosso bem mais precioso e que “tempo é dinheiro”, sendo fundamental que se economize o tempo, no sentido de dar a ele melhor aproveitamento.

 

Chega de consultas genéricas! Você precisa de uma orientação direcionada ao seu caso concreto.

 

 

É essa a proposta da CONSULTA AMBIENTAL NO CASO CONCRETO: ampliar sua percepção acerca do caso, diagnosticar o problema, definir quais as estratégias mais adequadas à solução do problema, estruturar argumentos e teses a serem adotadas, e muito mais.

SOBRE O CONSULTOR

Confesso que não me identifico com a nomenclatura Consultor, já tão trivial na nossa área de atuação. Mas, de fato, se mostra a nomenclatura mais indicada, considerando que proponho que você SE CONSULTE e que eu seja CONSULTADO.

 

Deixa eu me apresentar:

 

Me chamo VICTOR VALENTE SILVESTRE, sou Engenheiro Sanitarista e Ambiental, Mestre em Engenharia Ambiental, Professor de Graduação e Pós Graduação, tenho 10 anos de experiência profissional, 1700 processos de licenciamento ambiental, 2.000 alunos analógicos.

 

 

Na minha trajetória profissional, estive como dirigente de órgão ambiental municipal, e por já ter pertencido aos “dois lados do balcão”, ganhei muita experiência sobre as dificuldades que o profissional do meio ambiente encontra nessa dinâmica jornada do Licenciamento Ambiental. Sou um Engenheiro com um senso aguçado de justiça.

PORQUE SE CONSULTAR COMIGO?

Quando falamos em Licenciamento Ambiental, percebemos dois lados de uma mesma moeda.

 

O lado do órgão ambiental ou órgãos de controle; e o lado do particular, onde estão os próprios empreendedores, seus analistas, engenheiros, biólogos, geólogos, geógrafos, topógrafos, dentre outros tantos profissionais habilitados.

 

No lado do órgão ambiental está quem autoriza com base na análise técnica e na legislação ambiental.

 

No lado do particular está quem produz os documentos com base no conhecimento técnico e na legislação ambiental, e objetiva autorizar a realização de um empreendimento ou uma atividade afeta à área ambiental, propondo o desenvolvimento sustentável.

 

Apesar de não serem antagonistas, esses lados nem sempre convergem. Pelo contrário, quase sempre divergem.

 

Eu, VICTOR, já estive nestes dois lados.

 

O Licenciamento Ambiental está na minha vida há mais de 10 anos. Como eu disse antes, durante esses mais de 10 anos já estive dos dois lados “do balcão”.

 

Já atuei direta e indiretamente em mais de 1.700 processos de licenciamento ambiental.

 

Como Engenheiro Sanitarista e Ambiental, Mestre em Engenharia Ambiental, e um estudioso da legislação ambiental, fui por anos responsável pela elaboração de estudos ambientais, até ser convidado à dirigir um órgão ambiental.

 

Na direção do órgão ambiental, enquanto autoridade ambiental, fui responsável pela aprovação de milhares de licenças e autorizações ambientais. Uma missão que me trouxe experiências de toda ordem.

 

No trajeto desta minha vida profissional, comecei a lecionar na Graduação e recentemente em Pós-Graduação. Aliás, ensinar é uma das coisas que eu mais gosto de fazer (por isso me mantenho sendo um estudioso).

 

Com isso, quero dizer que tudo o que eu fiz até agora foi me preparar para nos encontrarmos.

PORQUE CONSULTA E NÃO CONSULTORIA?

 

Porque acredito serem missões distintas. A Consultoria traz uma ideia de continuidade, já a Consulta tem uma característica de individualização e objetividade, focada na imediatidade do caso concreto.

 

A CONSULTA NO CASO CONCRETO é fruto desses mais de 1700 processos de licenciamento ambiental, de centenas de horas de aula lecionadas, de centenas de empreendimentos observados, de centenas de situações ambientais relevantes sendo exploradas, de milhares de alunos “analógicos”, de diversos posicionamentos técnicos e jurídicos descobertos e refutados, enfim, de milhares de horas de estudo.

 

Sabemos que os profissionais e os empreendedores estão mais acostumados em receber oferta de serviço de Consultoria, não de Consulta.

 

Por isso, o projeto da CONSULTA NO CASO CONCRETO é disruptivo! Eu nunca quis entregar uma Consultoria aleatória, mas sim uma Consultoria qualificada e coesa, visando de fato a orientação para a resolução de um problema pontual. Foi pensando nessa individualização que surgiu a CONSULTA, um braço forte da Consultoria.

 

Vou entregar em uma CONSULTA o que tenho de mais precioso, meu tempo e minha experiência de vida profissional e de academia.

 

A concepção atual da CONSULTA NO CASO CONCRETO nasceu da percepção de que, quase diariamente, recebia questionamentos envolvendo a área ambiental, na maioria de profissionais colegas que estavam me procurando para solucionar dúvidas do seu dia-a-dia de trabalho. Veja: esses casos não diziam respeito a Consultoria, mas a uma Consulta, onde se buscava uma resposta rápida e certeira, com potencial de acender uma “luz no fim do túnel” sobre aquele problema.

Desta forma, foi solidificando o projeto CONSULTA NO CASO CONCRETO.

 

 

Felizmente, a Internet é um campo fértil, encurta distâncias e possibilita que novos projetos nasçam, então fui convencido de que poderia contribuir com muito mais gente, nessa troca de experiência qualificada, me encorajei a tirar a CONSULTA DO CASO CONCRETO do papel.

 

 

A CONSULTA NO CASO CONCRETO, em sua essência, é isso: a troca de conhecimento e experiência para propor uma solução de problemas, entre profissionais.

QUANTO TEMPO DURA A CONSULTA?

UMA HORA. Este é o tempo que eu VICTOR proponho dedicar à você profissional na CONSULTA NO CASO CONCRETO, para te ajudar a economizar tempo e recurso no caminho da resolução do seus entraves ambientais, pois sei o quanto é importante para um profissional a entrega de resultados ao seu cliente.

 

ESTE É O PODEROSO PODER DA CONSULTA. 

 

Voltando àquele exemplo do campo médico: até mesmo um Médico Especialista se consulta com outros Médicos Especialistas, buscando um novo panorama sobre o caso, indicando ou não a necessidade de se procurar outros Especialistas, exames, atividades, medicamentos, ou seja, outras alternativas para resolução dos problemas de saúde daquele paciente, em uma inteligente troca de experiência qualificada.

MAS E VOCÊ? Com quem você se consulta quando recebe um problema envolvendo a área ambiental?

 

Você procura colegas do seu escritório, profissionais do meio ambiente, advogados, pesquisa na internet, pesquisa em livros, faz algum curso? Ou se vira sozinho, independente do tempo que vai levar?

 

É essa a proposta da CONSULTA NO CASO CONCRETO: você ter alguém qualificado para se consultar, trazer o seu problema, tirar as dúvidas, discutir as estratégias e os caminhos, receber nova perspectiva na rota da resolução dos entraves ambientais seus ou dos seus clientes.

 

Então... se você quer uma alternativa para resolver o seu caso concreto ambiental,  reduzindo o tempo e aumentando a eficiência até a tomada de decisão: eu te ofereço ajuda cooperativa através da CONSULTA NO CASO CONCRETO.

 

É essa a proposta da CONSULTA AMBIENTAL NO CASO CONCRETO: direcionamento efetivo para a tomada de decisão.

COMO A CONSULTA FUNCIONA?

A CONSULTA NO CASO CONCRETO funciona assim: você vai passar a descrição do seu caso antecipadamente, depois agendamos a data da Consulta, e nela já vou estar preparado para dar a orientação direcionada, dentro daquela 1 horas reservada exclusivamente ao seu caso.

 

A ideia da CONSULTA é ser ágil. Dessa forma, ela começa ainda offline, com você enviando um texto-base do caso concreto já com seus pontos de dúvida a serem abordados, e no online já início abordando os temas, caminhando à uma orientação consistente para dar segurança na tomada de decisões.

A CONSULTA NO CASO CONCRETO É PRA MIM?

Você ainda está na dúvida se a CONSULTA NO CASO CONCRETO é pra você?

 

Então vamos ser práticos, e falar sobre algumas situações que podem clarear isso pra você...

  • "QUANDO CONTRATAR A CONSULTA NO CASO CONCRETO?"

... Quando você está com uma demanda ambiental travada (o que não é raro, considerando a pluralidade dessa temática).

 

... Quando você está conduzindo o caso, mas apesar da competência e do esforço, está batendo cabeça para destravar esse caso concreto complexo.

 

... Quando você acha interessante uma segunda opinião, para enxergar novas perspectivas e fazer com que o processo volte aos trilhos.

 

... Quando você está começando um processo de licenciamento ambiental, mas gostaria de ter uma orientação quanto aos aspectos ambientais e potenciais pontos de conflito.

  • MAS SERÁ QUE A CONSULTA VAI SER ÚTIL PRA MIM?”

Vou ser ousado em responder, mas é impossível que você saia da Consulta sem a clareza necessária para dar continuidade ao seu trabalho à frente daquele caso concreto ambiental.

 

Por diversos ângulos a CONSULTA NO CASO CONCRETO será útil pra você.

 

Veja bem: você irá me antecipar o seu caso concreto já com os pontos de dúvidas, então a CONSULTA já vai iniciar com a minha interpretação prévia da sua demanda ambiental complexa, identificando e orientando a tomada de decisões, me posicionando como seu parceiro estratégico naquele caso concreto, e te ajudando a destravar a sua visão sobre o caso concreto. A Consulta leva à eficiência e economia de tempo até a resolução do problema.

  • “SOU ENG. AMBIENTAL E TRABALHO HÁ 15 ANOS COM LICENCIAMENTO. COMO A CONSULTA NO CASO CONCRETO VAI ME AJUDAR?”

O processo de licenciamento ambiental é sabidamente dinâmico, e considerando que o conhecimento está disperso, é libertador admitir que não temos as informações sobre todos os fatores que influenciam os atos tomados dentro do processo.

 

Não há quem negue que a troca de ideias construtivas engrandece uma atuação profissional, certo? Mas, infelizmente, quando substituímos a “troca de ideias“ por CONSULTA, anulamos essa valorosa possibilidade. Não temos o costume de realizar Consultas entre profissionais, tampouco pagar por elas. Mas a CONSULTA NO CASO CONCRETO é a qualificação dessa troca de ideias, e apenas engrandece a nossa área de atuação.

  • “ME FORMEI E QUERO ATUAR NO LICENCIAMENTO, E NÃO SEI SE VALE O INVESTIMENTO”.

É interessante como a resposta dessa pergunta pode ser encontrada em cada parte do texto acima: NA SOMA DE EXPERIÊNCIAS.

 

Eu respondo devolvendo com perguntas: Quanto vale receber um pouco das experiências vividas por um outro profissional? Quanto isso agrega à atuação profissional? Quanto isso agrega na competitividade no mercado?

 

Lembre-se: o VALOR está na possibilidade de se antecipar a resolução das suas dúvidas, sobrando tempo para prospectar clientes e, claro, para continuar investindo na sua qualificação profissional.

  • “ACHO QUE POSSO APRENDER MAIS EM UM CURSO, POIS COM MAIS TEMPO O APRENDIZADO SERÁ MAIS PROFUNDO”.

Cursos são excelentes. Aliás, de fato, são instrumentos ótimos para aprender a matéria ambiental e, consequentemente, solucionar os problemas - especialmente quando feito com quem possui vivência na área, agregando conteúdo de valor.

 

Mas quando se tem um caso concreto, nem sempre o seu cliente vai aguardar o aprofundamento da matéria, tampouco os testes onde a matéria será aplicada, certo? É necessário certa agilidade.

 

A questão é: em quanto tempo você pretende resolver o seu caso concreto? Aqui, não me refiro a quanto tempo você poderia dispor, mas qual a meta de tempo que você acha viável resolver aquele caso concreto, sem prejudicar seu cliente ou a produtividade dos outros trabalhos em andamento?

 

A Consulta e o curso não se anulam. Pelo contrário, se complementam.

  • “A CONSULTA SERVE PARA TODOS OS PROFISSIONAIS?"

A CONSULTA NO CASO CONCRETO (PARA PROFISISONAIS) é para todos os profissionais que se relacionam com a área ambiental ou, especificamente, com o licenciamento ambiental.

 

Se você é Advogado(a), Engenheiro(a) Civil, Engenheiro(a) Florestal, Engenheiro(a) Sanitarista, Engenheiro(a)  Ambiental, Geólogo(a), Geógrafo(a), Biólogo(a), Oceanógrafo(a) – dentre outros tantos respeitados profissionais – a CONSULTA serve para você...

 

O mais comum sempre foi manter o debate técnico de ideias restringido ao ambiente de trabalho ou círculo próximo.  Ou seja, muito limitado. Ou seja, um desperdício!

 

O encontro ENTRE profissionais para discutir um caso concreto, em benefício do cliente e da resolução qualificada do problema com eficiência é realmente o propósito da CONSULTA NO CASO CONCRETO.

BENEFÍCIOS DE UMA CONSULTA COM OUTRO PROFISSIONAL:

  • Visão externa do caso concreto, com qualificação;

 

  • Direcionamento estratégico naquele caso concreto ambiental;

 

  • Encurtar o espaço e o tempo utilizado para a de resolução do problema;

 

  • Nova perspectiva sobre o caso concreto ambiental;

 

  • Identificar e entender as potenciais restrições ambientais;

 

  • Identificar a legislação ambiental aplicável, e suas nuances;

 

  • Suporte na tomada de decisões, com qualificação;

 

  • E, por fim, É ONLINE: ou seja, é ainda mais ágil e eficiente.

E aí?

Percebeu o quanto a CONSULTA AMBIENTAL NO CASO CONCRETO

pode ser importante pra você?

E se não fosse o preço você estaria disposto a marcar uma CONSULTA para amanhã?

 

Então não perca tempo e acesse o link abaixo para começarmos logo...

 

CONSULTA NO CASO CONCRETO

 

 

Sobre o VALOR, muito foi dito até aqui. 

Mas sobre o preço do investimento: SERÁ APENAS R$ 580,00

(este é o valor real, sem promoção fantasiosa que induza um valor mais baixo que o valor real. Aqui lidamos com a mais absoluta transparência, sinceridade e sigilo).

 

Você fará tudo pelo link acima, dentro da plataforma BRAINSHIP, e o melhor, de qualquer lugar do Brasil, no conforto do seu lar, home office, ou do seu escritório. Sem complicação!